O PRB Bahia realizou convenção partidária nesta sexta-feira (3) e oficializou a candidatura dos republicanos que disputarão às eleições no dia 7 de outubro. A festa republicana aconteceu no Teatro do Comércio, em Salvador, e reuniu autoridades, lideranças e simpatizantes do partido que lotaram a casa e cantaram o Hino Nacional entoado pela cantora ex-Timbalada Patrícia Gomes.

A deputada federal Tia Eron, presidente do PRB na Bahia, tenta à reeleição esse ano e fez questão de destacar a todo o momento a importância do papel da mulher na política.

“O PRB é um partido que abre as portas para a representação da mulher, além de priorizar o empoderamento dos segmentos mais fragilizados da sociedade”, destacou Tia Eron.

Em seu discurso, ela fez questão de dizer o partido busca atender às necessidades de todos e não apenas de um grupo de pessoas. “Dizem que o nosso partido é sectarista, é mentira”, afirmou. A deputada disse ainda que aprendeu com o seu líder religioso que quem entra na vida pública tem que ser valente. “Essa cadeira que sento é para homem sentar. É comando para homem ter, não é comando para mulher, nem mesmo para uma mulher negra”. Além disso, fez um apelo para que os eleitores não votassem nulo nem branco e escolhessem os nomes do partido. “Branco não é voto. Nulo não é voto”.

Além Tia Eron, o deputado federal Marcio Marinho também tenta a reeleição. O PRB lançou ainda a candidatura de João Roma à Câmara dos Deputados. O deputado estadual José Arimateia vem à reeleição junto com mais 25 candidatos que disputarão uma vaga na Assembleia Legislativa da Bahia.

O titular da Secretaria Municipal de Promoção Social e Combate à Pobreza (Semps), Isnard Araújo (PHS), o diretor-geral da Codesal, Sóstenes Macedo, e as vereadoras de Salvador Ireuda Silva (PRB) e Rogéria Santos (PRB) também compareceram.

O PRB tem no País uma bancada de 21 deputados federais, dois senadores, 40 deputados estaduais, 106 prefeitos (10 na Bahia) e 1.619 vereadores (167 no estado).